Ir para o conteúdo

 Voltar a Notícias
Tela cheia Sugerir um artigo

Unicamp usa software público para aumentar chances de retirada total de tumor de pescoço e cabeça

8 de Janeiro de 2018, 10:55 , por henriqueoliveira - | Ninguém seguindo este artigo por enquanto.
Visualizado 552 vezes

Pesquisa pioneira da Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp analisou com auxílio de um software público 28 tomografias em duas dimensões de pacientes com tumores de pescoço e cabeça.

O programa possibilitou a análise das imagens em três dimensões e com um destaque colorido na tela do computador do médico, o que melhora o diagnóstico da situação.

O software, criado pelo CTI de Campinas, viabiliza ainda que o tumor seja avaliado por todos os ângulos, fornecendo mais detalhes deste cisto.

“É possível rotacionar as estruturas, avaliar as bordas dos tumores e a sua morfologia. É possível ver sua topografia de forma a trazer ao paciente mais segurança neste processo”, afirma o pesquisador João Pedro Gomes.
As informações detalhadas entregues pelo software podem prevenir uma reincidência da doença porque o médico poderá ver até aonde o tumor se prolonga e fazer a retirada total da estrutura, o que não é sempre possível em tomografias em duas dimensões.

“Você consegue ver até aonde o tumor se estende e evita de ter que fazer uma segunda cirurgia. Evita ter uma recidiva [reaparecimento] de você ter deixado algum resto de tumor anterior”, disse o pesquisador André Luiz Ferreira Costa.

O trabalho dos pesquisadores da Unicamp foi publicado em uma revista internacional é pioneiro e pode ser aplicado em outros tipos de câncer.

A partir de 2018 novos estudos vão avaliar a eficácia desta descoberta nas cirurgias realizadas no Hospital de Clínicas da Unicamp (HC).

A ideia é usar a reconstrução tridimensional de um tumor para um grupo de médicos e comparar os resultados com o método tradicional de tomografia.

“Nós vamos verificar quantos tumores efetivamente foram removidos de uma forma completa. Essa é a forma da gente validar os resultados obtidos deste estudo anterior nesse estudo retrospectivo”, disse a professora de medicina da Unicamp Carmem Silvia Passos Lima.

Fonte: G1 (https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/unicamp-usa-software-publico-para-aumentar-chances-de-retirada-total-de-tumor-de-pescoco-e-cabeca.ghtml). 

O software público brasileiro de que trata a matéria é o InVesalius, que se encontra no portal e pode ser acessado por meio do endereço https://softwarepublico.gov.br/social/invesalius.